• SEPS 715/915 - Bloco "D", Salas 209 a 213, Ed. Pacini
  • Seg - Sex 8:00 - 18:00. Sábado 8:00 - 12:00. Domingo Fechado

Category Archives: Dicas de saúde

Hipertensão arterial

  • COMO DETECTAR CORRETAMENTE.
  • QUAIS OS NÍVEIS ATUAIS PARA DETERMINAR SE UM INDIVÍDUO É HIPERTENSO.

Você tem aferido corretamente a sua pressão arterial? Pois saiba que esse é um fator fundamental na detecção da Hipertensão, doença na maioria das vezes assintomática, responsável maior pela incidência de doença cardiovascular, acometendo mais de 30% da população mundial.

É importante aferir corretamente os níveis tensionais, usando equipamento e metodologia adequados, se as medidas forem feitas em domicílio.

Indivíduos sedentários com excesso ponderal, tabagistas, com distúrbios no metabolismo de glicose, colesterol e triglicerídeos, tem mais chance que se tornem hipertensos. Caso os pais ou um deles seja hipertenso aumentam as chances de ter ou desenvolver a doença.

Vamos lá!

  • Equipamento correto: aparelho automático de braço.
  • Metodologia correta:

2.1- Não ter feito qualquer exercício inclusive subir  escadas, 15 minutos antes da aferição

2.3- Bexiga vazia

2.4- Posição confortável. Pernas descruzadas, e pés apoiados no solo

2.5- Inspirar profundamente e soltar o ar pela boca, bem devagar . Repetir 3 vezes

2.6- Acionar o botão do aparelho

2.7- Repetir a operação após 1 minuto

2.8- A pressão correta é a média das duas medidas

  • Níveis de interpretação : (Associação Americana do Coração)

Pressão Arterial medida em milímetros de mercúrio (mmHg):

130x80mmHg (mantida): Estágio I da doença

140x90mmHg (mantida): Estágio II da doença

  • Curiosidades:

A incidência de Doença Cardiovascular aumento proporcionalmente com a progressão dos estágios de pressão arterial: Normal- Estágio I- Estágio II- Estágio III

Dados recentes do Ministério da Saúde do Brasil:

5% das crianças e adolescente são hipertensos.

10% dos indivíduos entre 25 e 34 anos são hipertensos

19% dos indivíduos entre 35 e 44 anos são hipertensos

Próximo assunto:

Batidinhas “irregulares” no coração acompanhadas de “cansaço” e que surgiram repentinamente ?

Atenção! Pode ser fibrilação atrial.

Visite sempre o nosso site. Aqui você encontrará atualidades dos médicos em prevenção e tratamento.

Dr. Antônio Paulo Filomeno

Obesidade infantil: perigo real e imediato

Dados preocupantes do Ministério da Saúde mostram que 12,9% das crianças entre 5 e 9 anos estão obesas e 17% das menores de 5 anos tem sobrepeso.

Alimentação inadequada, sedentarismo e pouca atenção dos pais para o problema são os principais responsáveis.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) deve emitir para breve um relatório sobre a qualidade de vida pesquisado nas diversas nações.

As políticas públicas para mudar essa situação são tímidas. Todas sabem o que deve ser feito, mas medidas eficazes não são implementadas.

O “dever de casa” deve começar a ser feito pelo governo. Educação alimentar correta nas escolas, divulgação pela mídia de hábitos saudáveis relacionados aos riscos de desenvolver doenças crônicas quando não são adotadas, são algumas das medidas a serem urgentemente tomadas.

Outra importante questão é o “marketing” agressivo e sofisticado da indústria ao promover produtos ultra processados, com mais açúcares e gorduras em detrimento dos menos processados com mais fibras e proteínas. O consumidor, principalmente o mais jovem e pouco atento aos rótulos (às vezes enganosos) é presa fácil. Políticas públicas eficazes são única forma de inibir essas grandes e poderosas empresas junto aos políticos com fortíssimo lobby, a maioria delas internacionais e que pouco se importam se esses jovens consumidores de hoje serão os diabéticos, hipertensos e cardiopatas de amanhã.

O consumidor também tem a sua parcela de culpa. Denunciar práticas ilegais como venda de brindes junto com alimentos, e evitar a aquisição de produtos sem proposta saudável, é um bom começo. Devemos também cobrar de nossos representantes no Congresso Nacional leis mais duras, vigilância mais eficaz e penalidades exemplares para aqueles segmentos empresariais que pouco se importam com a saúde da população.

Dr. Antônio Paulo Filomeno

Coração saudável nos idosos: A importância da alimentação

Com o avançar da idade, observamos várias mudanças corpóreas e sabe-se que muitos fatores podem influenciar na velocidade e intensidade do processo de envelhecimento. Dentre estes podemos citar a alimentação, o meio ambiente e o estilo de vida.

Anti-inflamatórios e sal nos exercícios

Não tem jeito, como Médico do Esporte e Cardiologista sou obrigado a comentar os crescentes usos e abusos da automedicação indiscriminada de anti-inflamatórios analgésicos (exemplo ADVIL®, VOLTAREM®) e os famosos biscoitos salgados, durante treinos e principalmente nas populares provas de rua.

Atividade física contribui para prevenção de doenças

Um dos males que acomete os brasileiros é a hipertensão. De acordo com o Diretor de Tecnologia da SBC, Fernando Costa, o brasileiro come mais do que o triplo de sal necessário. Para combater o problema, ele recomenda a prática de exercícios físicos, de forma regular e também caminhadas.

Saudável, mas sem perder o gosto

Dicas de alimentos saborosos e bons para o coração

“Se você gosta do seu coração, então cuide bem dele”. A alimentação adequada é essencial para a saúde do seu coração e do seu corpo.

Os dez mandamentos

As doenças cardiovasculares são as maiores causas de morte no Brasil e no mundo, e a hipertensão arterial sistêmica (HAS) é o principal fator de risco. Por isso, siga abaixo os dez mandamentos para prevenção da HAS:

Olá, o que está procurando?
×